Inicio Contato
 
Clima Tempo
 
Publicidade:
Farmácia Loba
Pio Paladar
Vereadora Lúcia
Comvet
 
11/08/2016 às 11:08
 

'Nada é impossível', diz jovem que saiu da zona rural para ser médico

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes)

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes/arquivo pessoal)

 

Festa, alegria e formatura em uma das profissões mais disputadas do mercado. Quem vê Luciano Carlos hoje nem imagina o que ele passou para conseguir se formar em medicina pela Universidade Estadual do Piauí(Uespi). Filho de lavradores e natural do município de Valença do Piauí, o agora médico sempre estudou em escola pública na zona rural, mas nunca viu isso como empecilho para a realização de seu sonho.

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes)

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí
(Foto: Alessandro Gomes/Arquivo pessoal)

“Minha vida nunca foi fácil, mas nunca passei fome. Meus pais sempre foram muito batalhadores, nunca me deixaram faltar nada. Me ensinaram a não desistir, e depois de tudo que eu consegui, pra mim nada é impossível, quem quer consegue”, disse.

O terceiro de quatro irmãos, Luciano sempre gostou de estudar, mesmo com os perigos de ir para escola à noite, e de bicicleta. Os pais o incentivaram a lutar pelos seus sonhos e foi no ensino médio que ele teve certeza do que queria para o futuro: ser médico. Dentro de casa, o estudante era apoiado pela família, mas quem via de fora, não acreditava na sua capacidade.

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes)

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí
(Foto: Alessandro Gomes/Arquivo pessoal)

Contra o que todos achavam, em 2009, Luciano tornou-se o primeiro estudante de escola pública da zona rural da sua cidade a ingressar no curso de Medicina na Uespi, segundo a Pró-Reitoria de Graduação. Foi nessa época que ele deixou a cidade natal e mudou-se para Teresina para fazer o curso.

“A princípio foi um choque de realidade, sabendo das minhas limitações financeiras, o primeiro medo foi esse. Eu ia mudar de cidade e passar seis anos (período do curso) só gastando. Eu e minha família nos preocupamos com isso, mas graças a Deus depois da minha aprovaçã,o a situação começou a melhorar e o meu medo foi diminuindo”, contou.

 

Durante o curso, Luciano conta que sua renda era composta por ajudas, em parte pelos pais, outra parte por uma instituição filantrópica de Teresina e, a partir do quarto semestre de curso, também por remuneração de estágios feitos por ele.

“Eu tive ajuda, e acredito que se não tivesse tido, não teria conseguido me formar. Sou muito grato por todas essas pessoas. Fui acolhido, tive casa e alimento da pessoa que também é responsável pelo local onde minha família mora”, conta.

Outro receio era de como as pessoas poderiam olhar para ele, e surpresa foi grande ao chegar à sala de aula. “Fui muito bem recebido por todos os professores e principalmente pelos meus amigos de turma. Durante a primeira semana, aonde eu chegava, batiam palmas. Tive uma recepção bem calorosa e foi bom, porque era um local novo pra mim”.

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes)

Filho de lavradores se forma em medicina no Piauí (Foto: Alessandro Gomes/Arquivo pessoal)

Extraída do G1

 
 
 
Mais Informações
'Nada é impossível', diz jovem que saiu da zona rural para ser médico 11/08/2016 às 11:08
'Nada é impossível', diz jovem que saiu da zona rural para ser médico
Pai constrói abrigo para filha não esperar ônibus na chuva em Tocantins 15/08/2016 às 10:08
Pai constrói abrigo para filha não esperar ônibus na chuva em Tocantins
Educa Mais Brasil disponibiliza bolsas de estudo em Araci 15/08/2016 às 15:08
Educa Mais Brasil disponibiliza bolsas de estudo em Araci

Sintrafi Ichu
 
Ponto Certo
 
Ichu Coco
 
Dayana Silk
 
 
 
 
 
Rede Social
Facebook
Twitter
Adicione aos Favoritos
Contato
© Alnoticiasichu 2016 - Todos os direitos reservados